28 de outubro de 2020, 19:24 Busca no site:
 
 
 





Voltar

Tratamento  reabilitador combinado de maxila e mandíbula com implantes osseointegráveis sobre bases ósseas antes severamente atróficas e reconstruídas por enxertia óssea autógena de calota craniana, em paciente do sexo feminino, com idade relativamente avançada para um procedimento desse porte, vindo atestar que, cada vez mais a ciência e a prática clínica caminham juntas no intento de proporcionar melhoria na qualidade de vida dos pacientes acometidos por essas patologias.

Objetivos: Recuperar a estética, função, conforto e a auto-estima.

Limitações do caso: Seria totalmente inviável realizar o tratamento  se a reconstrução das bases tivesse sido rejeitada como a opção ideal para a solução dos problemas pré-existentes, devido às extensas perdas ósseas generalizadas sofridas ao longo dos anos e também da fragilidade da estrutura mandibular, principalmente do lado direito.

Planejamento: A partir de um estudo prévio, ao qual chamamos "#planejamento_reverso", simulamos com a montagem de dentes sobre bases de prova rígida (não flexível) toda a reposição dos tecidos moles e dimensões aproximadas que o caso ganharia com o tratamento. Assim, torna-se possível descrever e planejar todas as fases do tratamento, com elevado grau de previsibilidade, desde a construção das guias estéticas até as guias tomográficas e/ou cirúrgicas, que são recursos essencialíssimos na consecussão dos objetivos finais do tratamento. Propusemos realizar próteses fixas sobre implantes em ambos os arcos e, como material de eleição para a confecção das próteses, a paciente optou por próteses "#protocolo" em metaloresina.

Dr. Amilcar Fernandes Neto / 2011
Consultas: (43) 3534-1475
Google Maps

ESTE CASO ENCONTRA-SE MAIS RICAMENTE DETALHADO NA SESSÃO REVISTA ELETRÔNICA. (ainda em construção)


PRÓTESES ANTIGAS
(vista lateral direita)
PRÓTESES RECÉM INSTALADAS
(vista lateral direita)
   
 PRÓTESES ANTIGAS
(vista frontal)
PRÓTESES RECÉM INSTALADAS
(vista frontal)

 
 PRÓTESES ANTIGAS
(vista lateral esquerda)
PRÓTESES RECÉM INSTALADAS
(vista lateral esquerda)
   
  ANTES  APÓS

 
ANTES  APÓS

 
 ANTES APÓS
   
   

A arcada superior recebeu um número elevado de implantes como prevenção à  possibilidade de perda de alguns elementos caso o padrão de reabsorção dos  enxertos excedesse ao esperado. Entretanto, nenhum dos elementos foi perdido; permitindo-nos assim, selecionar os apoios em áreas estrategicamente mais importantes. Admite-se, inclusive, dos 10 implantes, utilizar apenas 6 ou 7 para suporte de uma prótese nessas mesmas condições para a maxila.
 

 
#ProteseProtocoloBimaxilar
ESTE CASO ENCONTRA-SE MAIS MAIS RICAMENTE DETALHADO NA SESSÃO REVISTA ELETRÔNICA

Articulação dentária, planejamento e execução realizados
 pelo Dr. Amilcar Fernandes da Silva Neto

implantes sobre  enxerto de calota occipital rx panoramico raio x panoramica radiografia panorâmica após enxerto reforço metálico por placas e implantes após tratamento reabilitadpor implantes em maxila e mandíbla severame atróficas

   Assista todos os nossos "VÍDEOS"